Tribunais se rebelam contra divulgação de salário de juiz

Magistrados reclamam com o presidente do STF; prazo vence hoje

Tribunais de Justiça resistem à divulgação nominal dos vencimentos — salários, gratificações e abonos — de juizes e funcionários. A determinação consta da Lei de Acesso à Informação e o prazo dado pelo Conselho Nacional de Justiça vence hoje. O TJ do Paraná, no entanto, já afirmou que não acatará a decisão por ora. No Rio, uma liminar conseguida pela associação de magistrados suspendeu a medida. O presidente do TJ no estado, desembargador Manoel Alberto Rebelo dos Santos, divulga carta hoje com críticas à resolução. Ao GLOBO, ele afirmou que a regra viola direitos constitucionais aos “moldes da época dos atos institucionais”. Na quarta-feira, em reunião do Colégio Permanente de Presidentes de TJs, os magistrados se declararam contrários à publicação e expuseram a insatisfação ao presidente do STF, Ayres Britto. (O Globo)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s