Visita papal

Cuba reage a Bento 16 e diz que não haverá abertura

O vice-presidente de Cuba, Marino Murillo, disse que “não haverá reforma política” no país, em resposta à declaração do papa Bento XVI segundo o qual o marxismo já não responde a realidade. Anteontem, no início da visita do pontífice a Cuba, um homem foi preso ao gritar palavras de ordem contra o comunismo diante do altar onde Bento XVI rezaria missa. (ESP)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s