Senado vai acabar com o 14° e o 15°? Ninguém acredita

Quase 80% dos 1.363 internautas ouvidos pelo Correio duvidam que parlamentares votem o fim do privilégio

A extinção dos salários extras vai ser posta em discussão hoje na Comissão de Assuntos Econômicos da Casa. Se for aprovada, a proposta será levada a votação em plenário, o que deve ocorrer dentro de 30 dias. O diretor da ONG Contas Abertas, Gil Castello Branco, afirma que a pressão popular será vital para que senadores ponham fim ao inaceitável privilégio. “A sociedade civil tem mais poder do que ela imagina”, diz. “A saída é essa.” O projeto que extingue a histórica mordomia estava engavetado havia mais de um ano e só foi posto em pauta após o Correio denunciar que, além de recebê-la, eles não recolhiam sequer Imposto de Renda sobre o pagamento. (Correio Braziliense)

Anúncios

Uma resposta para “Senado vai acabar com o 14° e o 15°? Ninguém acredita

  1. A tradição política do Brasil leva-me a crer que se for extinto os dois ganhos adicionais prontamente criarão outro projeto que os substitua ou mesmo aumente o valor. Há muito os nossos representantes não nos representam, mas representam a si mesmos. A chamada opinião pública não causa maior apreensão no reino encantado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s